Acidentes pelo caminho

by

Hoje fazem exatamente 1 ano e 7 meses que não caio de bike; o último tombo foi  pouco antes do restaurante da Vó (Itapuâ); estava eu entre 35 e 37km/h, o ciclista da frente deu uma segurada, e eu bati na roda dele, indo pro chão diretamente com minha bunda (veja foto). As luvas foram de essencial proteção; Depois de vários tombos e quedas feias, tenho algumas dicas para quando o tombo é inevitável; Existem tombos que não esperamos (os piores), pois não temos tempo para pensar; Tem aqueles tombos que tu escolhe onde vai cair, de que lado, qual parte da bicicleta tu vai salvar (geralmente escolho cair para o lado esquerdo, salvando o câmbio traseiro); Tente não cair para o lado da via, pode estar passando um carro bem na hora; pneu murcho na dianteira é perigoso também, freios muito baixos idem; O principal conselho é estar sempre alerta, pois mais cedo ou mais tarde poderemos cair, mas lembre, não vamos passar do chão.

tombo_1bunda

Anúncios

Uma resposta to “Acidentes pelo caminho”

  1. Bruno Says:

    Aff muito ruim. Cai esses dias tambem, fui pular uma guia e, como estava enferrujado, nao tive muita experiencia. Sei lá fui muito rapido. Fui pro chão, machuquei o joelho esquerdo, barriga, um hematoma proximo a virilha, e punhos com dor. Enfim, mais cuidado para quem estiver se aventurando e querendo arriscar pequenas manobras sem muita esperiência. Abraços a todos os ciclistas de plantão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: